domingo, 7 de dezembro de 2014

O escritor sem rosto


“Törless tirou da gaveta todas as suas tentativas poéticas.”
Robert Musil

Sobre Antoni Casas Ros existe o mistério que cerca uma vida. A sombra sobre um rosto desconhecido, sobre uma vida, a literatura perdida entre as livrarias, ninguém o lê, ou todos que o leram desconhecem o mistério do autor. Um autor mapeado por cartógrafos das letras, por filósofos desempregados, por artistas esquecidos, por mulheres livres, homens abandonados: sem rostos, todos os rostos que hão de botar a cara na janela, na vitrine, nos espelhos do grande hotel.

Ninguém conhece Antoni Casas Ros, ainda existe rastros do escritor? Em 2014 saiu seu último trabalho, “Lento”, lentamente ele se mostra nas livrarias, em e-books, sumirá na poeira digital, nas redes sociais ninguém mais lembrará do rosto desconhecido de Antoni Casas Ros. Restam os que buscam se conhecer um pouco mais, os que ainda lêem, é, são esses mesmos os que querem desvendar o mistério do escritor de o “Enigma”.

                  Christophe Jacrot
Postar um comentário