sábado, 6 de abril de 2013

Contra o fanatismo

Fonte:  Librairie Espagnole Sonia - imagem trabalhada

"Isto que se retrai
vai se aproximar de nós
no reverso do dia."
Paul Auster

Em homenagem a Amina, a garota tunisiana de 19 anos que postou 2 fotos de topless no Facebook e foi condenada por um líder religioso.

Havia um dia em que os homens diziam: assim é; assim tem que ser e que a vida é uma questão de planejamento e que esse dia jamais chegaria ao seu fim se a conduta fosse acolhida segundo os preceitos religiosos e morais, e que nada poderia desviá-lo do destino. Aí está o problema, a vida não se esgota, mas as autoridades chegam ao fim na condição de sua mortalidade. Digo isso para todos os homens, ah, sim, para o meu umbigo, digo: chegamos ao fim um dia ou chegamos ao começo de um dia a caminhar à beirada da vida até o dia se pôr.
E isso não tem nada a ver com a morte desse homem, de sumir do mapa, de desaparecer sem deixar vestígio, até porque muitos acreditam que ele seja necessário apenas para o seu próprio princípio. O princípio de tentar confinar a vida dos outros em sua crença. 




Postar um comentário