terça-feira, 26 de março de 2013

Londrinalha


Publicado em 2013.

E a música em teus olhos é a primeira estação desse ano, do ano que é mais um entre os anos dos mortais, é o primeiro beijo em janeiro, tenho o gosto na boca, a vitrola é um alarido de suor, por isso é o brinde, é o ano que se inicia, os teus 66 anos no tempo que avança entre os ouvidos da América e todos os lados da Terra-Pátria. O lado dos olhos é como o ressoar da voz na canção dos meus sonhos. Quando garotinho eu via-ouvia o som no fundo da velha garagem, jovens, irmãos dançando, se drogando, amando ao teu som, depois, um dia, eu ali, noutro lugar, nas ruas da cidade, da minha Porto Alegre, a te ouvir, a drogar a vida e alimentar meus olhos de luz, em todo lugar eu via e sentia a tua voz como na infância, como nos sonhos dos irmãos, todos viveram, muitos já foram, outros estão no caminho da velhice, eu sou a melodia da infância.





"Cartazes na rua. Sou a favor. A única ideia criativa que já tive na vida foi a de uma exposição de fotografias de cartazes de rua."
(Nick Hornby - Alta Fidelidade)


                                                                     
Postar um comentário