sábado, 16 de abril de 2011

Vozes da Legalidade: Política e Imaginário na Era do Rádio

Capa: Vinícius Xavier (imagem da capa de Lemyr Martins)
Livro: Vozes da Legalidade: política e imaginário na Era do Rádio
Autor: Juremir Machado da Silva
Lançamento: maio de 2011

Este livro é uma história de muitas vozes, vozes da Legalidade e da ilegalidade, a voz de Brizola, em tom maior, a voz de Jango, buscando uma solução pacífica, a voz de Carlos Lacerda, governador da Guanabara, o Corvo, o eterno golpista, incendiando o ânimo dos militares contra João Goulart, a voz do general Machado Lopes, comandante do III Exército, sediado em Porto Alegre, a voz do ministro da Guerra, Odylio Denys.
Mas também a voz do renunciante, o esquisito Jânio Quadros, as vozes dos remanescentes, jornalistas, radialistas e políticos, todos muitos jovens na época, que lembram a grande aventura com a justa nostalgia e o devido orgulho, a voz das ruas, a voz do Rio Grande, a voz do rádio, especialmente da Rádio Guaíba, que se tornou a cabeça de uma rede inusitada e vitoriosa. Esta é também uma história de nomes de homens, de coadjuvantes e protagonistas, quatros civis e dois militares, uma história de vozes tonitruantes, vozes da era do rádio. (Divulgação)
Postar um comentário